O que é o SEO e Porque é Necessário?

15:10 | 10/12/2021

O SEO tem vindo a ganhar enorme importância desde há alguns anos, muito devido aos benefícios que tem demonstrado para os websites. A verdade é que ter apenas um website não é suficiente. O objetivo da grande maioria dos websites é obter algum benefício através do tráfego, como a venda de um produto ou serviço, dar a conhecer uma determinada marca, levar a que os utilizadores sejam leitores assíduos de conteúdos, entre outros. Desta forma, coloca-se a seguinte questão: se os utilizadores não conseguirem encontrar o website, será que ele existe? 

Neste artigo vamos explicar o que é o SEO, para que serve e algumas das práticas que podem ser implementadas.

O que é o SEO

SEO significa Search Engine Optimisation, o que traduzido para português é Otimização para os Motores de Pesquisa. O objetivo do SEO é utilizar determinadas práticas de otimização “legais” aplicadas ao website, para que a probabilidade de o website otimizado ser mais facilmente encontrado pelos utilizadores aumente. 

O uso do termo “legais” no parágrafo anterior não foi desprovido de significado. Como em muitas outras áreas, o SEO também tem um lado “negro”, conhecido como black-hat SEO. Esta vertente do SEO utiliza práticas nada aconselháveis de serem aplicadas, sob pena de o website sofrer pesadas penalizações por parte dos motores de pesquisa. A menção ao black-hat SEO foi apenas para separar estes dois ramos, deixando bem claro que este artigo apenas se foca em white-hat SEO.

Qual é o processo de SEO

Vai depender de caso para caso. O ideal é que qualquer website que seja criado de raiz seja acompanhado por um profissional de SEO, para que siga de início aquelas que são consideradas as boas práticas. 

O que não significa que um website não possa ser otimizado a posteriori. O problema neste caso é que poderá não ser possível fazerem-se certas alterações a nível de programação. Pode acontecer que seja um template e não permita quaisquer alterações. Ou então, o programador que construiu o website poderá ter de fazer muitas alterações, o que poderá não só requerer grandes mudanças no código, consumindo muito tempo, mas sendo necessário o investimento de mais dinheiro nessas alterações.

O primeiro passo será sempre “desenhar” a estrutura do website. Aqui não importa se será um site novo ou a construção de um website para uma empresa que quer apenas atualizar o seu website já existente. É necessário estruturar esse website, determinando as páginas que vai ter, para que a nível estrutural seja de fácil navegação e o mais “user-friendly” possível.

Depois é necessário que sejam criados os conteúdos, como o texto. Estes também devem seguir algumas linhas de SEO. Deve ser feita uma pesquisa de palavras-chave sobre a área que a marca opera. Uma boa ideia é analisarem-se os sites dos concorrentes, para perceberem o que estão a fazer, como comunicam, etc., e tentar fazer melhor, pois há sempre espaço para melhorar. Os conteúdos criados devem ter por base a palavra-chave definida para essa página e cada página deve estar otimizada para apenas uma palavra-chave.

Além dos conteúdos da página em si, deve ser otimizada a title tag e meta description. A title tag mais não é que o título da página, o qual aparece na página de resultados do motor de pesquisa a azul. A meta description é o texto que aparece logo por baixo da title tag.

Estes dois campos são importantes. No caso da title tag, não só é considerado um fator de ranking (ou posicionamento), como ajuda tanto o utilizador como o motor de pesquisa a perceber do que trata a página. No caso do motor de pesquisa, ajuda a que este consiga apresentar a página a quem procura pelo serviço ou produto que a página oferece. No caso da meta description, embora não seja considerada um fator de ranking, poderá ajudar a nível de CTR (click through rate), ou seja, quanto mais apelativa for, maior será a probabilidade de o utilizador clicar nesse resultado.

Outro fator importante que também não deve ser descurado diz respeito ao site em si, isto é, o site deve ser responsivo, ou seja, deve conseguir adaptar-se corretamente a qualquer dispositivo onde seja apresentado. Tendo em conta que a maioria das pesquisas são feitas em mobile, ter um site responsivo é muito importante.

Relevante também é a velocidade do website. Numa época em que os utilizadores não estão dispostos a esperar muito tempo para que o website carregue, ter um website rápido é primordial. Este é um fator de ranking. A Google penaliza sites que tenham páginas a carregar acima dos 3 segundos. Algumas das otimizações que podem ser feitas passam por não ter imagens demasiado grandes (se possível até 100KB), ter um bom servidor/alojamento, ou implementar, por exemplo, lazy loading, entre outros.

Depois existem outras questões também importantes e que devem ser revistas com frequência, como os erros que o website vai apresentando, devendo estes ser corrigidos. Existem alguns softwares no mercado que permitem esta análise.

Outro fator importante prende-se com os backlinks, ou seja, os links que os outros websites têm para o meu website. Estes links são vistos como votos de confiança pelos motores de pesquisa. Além de passarem alguma “força” para o website para o qual apontam, dão relevância ao website que recebe o link. Embora existam algumas más práticas na obtenção de backlinks, estes devem ser obtidos sem se recorrer a “truques”, como a sua compra. A ideia é que estes sejam obtidos de forma justa. Além disso, quanto mais relevantes forem para o website, melhor. Ou seja, se um backlink vier de um site que de alguma forma está relacionado com o modelo de negócio para o website para o qual aponta, então este terá um valor maior. Por exemplo, se um website de um hotel tiver um backlink para uma empresa de rent-a-car, existe contexto entre eles. Por outro lado, se um website de um dentista tiver um backlink para um site de uma sapataria, o peso não será tão grande, pois estes negócios não estão relacionados. Resumindo, o peso do backlink será tanto maior, quanto maior for a relação de complementaridade entre os modelos de negócio.

Uma boa ideia para a obtenção de backlinks é a criação de conteúdo de qualidade, como por exemplo artigos de blogue. Os artigos de blogue ajudam não só a indexar mais palavras-chave, como poderão servir de “portas de entrada” para os utilizadores que se deparam com esses artigos. Estes devem seguir as boas práticas de SEO e devem ter como base uma pesquisa de palavras-chave. Além disso, devem ser partilhados nas redes sociais ou por newsletter, para levarem tráfego ao website.

O SEO e a sua periodicidade

Os resultados de SEO não ocorrem no imediato, podendo acontecer no médio e longo prazo. Além disso, alguns resultados poderão não correr da forma que se planeou. Isto porque existem muitos fatores não controláveis que poderão ter influência nesses resultados, como as atualizações frequentes que são feitas nos motores de pesquisa, a concorrência ou até o comportamento dos utilizadores. Desta forma, é importante que as otimizações de SEO feitas a um website sejam seguidas de perto com frequência, para garantir que se consegue tirar o máximo partido desta área.

Conclusão

Para qualquer marca/empresa que queira ser competitiva no meio digital, é importante que implemente as boas práticas de SEO no seu website. Além disso, qualquer empresa, independentemente da sua dimensão, poderá beneficiar de SEO. Outro aspeto digno de nota é que o SEO deve funcionar numa estratégia de Marketing Digital integrada, ou seja, deve ser inserido junto com outras áreas como social media, email marketing ou plataformas pagas, para que se consiga tirar o máximo partido do meio digital.

Author:

Author:

Article Categories:EXPERTISE

More articles in this category:

Marketing Digital é Estratégia!

Marketing Digital é Estratégia!

Não existe vento favorável a quem não sabe onde deseja ir. - Séneca Que ninguém pense que vai alcançar um objetivo sem definir um caminho para o alcançar. E o marketing digital não é excepção! Uma estratégia de marketing digital é o plano que te vai levar a atingir...

Expertise – Sound Design

Expertise – Sound Design

"Expertise", a nova rúbrica da ETIC_Algarve que vai tirar-te da dúvida, da hesitação e do desconhecimento e inspirar-te a dar os primeiros passos rumo à ação e produção criativa. Vamos partilhar conteúdo útil e pertinente, desenvolvido pelos nossos formadores, sobre...

Authors:

Do you have
any questions?

Do you want to
meet the school?

SHARE
SHARE